quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Só alegrias: Rompeu

Ibov diário

Notícias boas lá fora. A reação veio forte. É a volatilidade: cai forte, mas sobe forte. Tudo normal. Ou alguém achou que a bolsa só cai?

Vamos aproveitar então que a alegria começou(?) e curtir um final de semana prolongado viajando?
Até semana que vem.

(A propósito, como nada cai direto, nem sobe direto, essa alta me animou a fazer alguns lançamentos de opção bem fora do dinheiro, para remuneração de carteira)

14 comentários:

gaucho disse...

A "seco"? Qual série? Qual papel?

Totomano Nuhabu disse...

rapaz, tá foda!

Investindo Todo Mês disse...

Show de bola o ibov!

Mibotaru Nuku disse...

amanhã cai, abri venda hj.

B. Graham disse...

boas compras!

eu já tinha cantado o dia da virada!

o dia era 28 de outubro!!!

o dia da consolidação da mudança da tendencia!

o dia da paz na bolsa! Da paz!!!

e agora quero ver tudo subir...subir até os 200kkkkkk

saimon disse...

doce ilusao, tudo q sobe... desce!

saimon disse...

eai chapuleta, e as jbs? quase batendo 100%????

Anônimo disse...

e ainda tem muito para subir.

chapuleta.

gaucho disse...

Me permita insistir. A respeito da remuneração da carteira a partir do lançamento de opções:
Lançaste a descoberto?
Qual série?
Qual papel?
Por quê?

Anônimo disse...

bvmfk12
nesse patamar nao me importo em ser exercido. se nao for exercido, sobra uns % pra conta.
abcs
CHAPULETA(aproveitando mini-ferias)

Anônimo disse...

ele não participou daquele filme "o resgate do soldado ryan"?

Anônimo disse...

é chapu, será alguma coisa acontecendo? fjta4 rompeu ltb e volume continua alto...

RYAN disse...

A história se desenrola durante a Segunda Guerra Mundial, começando com o desembarque de soldados americanos na Normandia no Dia D, na Praia de Omaha como parte da operação para libertar a França ocupada pelos alemães.

Após o ataque, descobre-se que três irmãos Ryan morreram em combate. Ao capitão John Miller (Tom Hanks) e seus homens é designada a missão de resgatar o último filho, James Francis Ryan, que era parte do pelotão de paraquedistas que caiu no lugar errado, podendo estar em qualquer lugar da França. O soldado Ryan (Matt Damon) pertencia à 101 Company 506 Regiment. Era um airborne, ou seja um paraquedista altamente treinado para combater mas acima de tudo para defender pontos e objetivos estratégicos, como pontes, estradas, vilas e aldeias.

Depois de vários contra-tempos, a unidade do capitão Miller finalmente encontra Ryan vivo junto com seus companheiros paraquedistas sobreviventes. Mesmo depois de ser informado da morte dos irmãos, Ryan se recusa a abandonar seu posto e o personagem de Tom Hanks vê-se obrigado a escolher entre partir com a missão incompleta ou ficar e ajudar os paraquedistas a guardar uma ponte frente a um iminente ataque alemão. O capitão Miller decide então ficar e assume o comando da defesa. Horas depois eles estariam sob pesado ataque de vários blindados alemães e de ao menos 50 soldados de infantaria.

Na batalha que se seguiu, no climax do filme, os soldados de Miller conseguem impor pesadas baixas ao inimigo mas a um custo muito alto: boa parte dos paraquedistas e vários Rangers do Capitão Miller foram mortos. Miller ordena então que os sobreviventes recuem para a ponte e enquanto ele se preparava para explodi-la ele acaba sendo mortalmente ferido por um alemão. Frente a inevitavel derrota e morte, o Capitão Miller pega sua pistola Colt M1911 e começa a atirar num tanque alemão que tentava atravessar a ponte mas um avião-caça P-51 Mustang acaba destruindo o blindado e, depois da chegada de reforços americanos, os alemães batem em retirada. Ryan então se encontra com Miller que esta prestes a morrer e ai ele profere suas últimas palavras: "James... earn this. Earn it." (pt: "Faça por merecer.")

O filme se encerra com Ryan, já velho, observando o túmulo do Capitão Miller.

Anônimo disse...

Mais uma que vou na sua aba e me dou bem. Mercadinho pesando e FJTA4 explodindo. Valeu Chapa.